Diário do vereador

24/06/21

Banco Sonoro Raízes Negras traz a memória do Brasil

Promover a história da nossa gente, a história de quem constrói a beleza da diversidade brasileira foi certamente um dos meus compromissos públicos como vereador da cidade de São Paulo. Por isso, fico muito feliz de ter participado desta iniciativa junto com o Museu da Pessoa e a Tecer Memórias e Legados, através de emenda parlamentar do meu gabinete viabilizada pela Secretaria do Verde e do Meio Ambiente. O Banco Sonoro Raízes Negras, inaugurado em frente ao Museu Afro Brasil, nos traz as memórias do que a gente já foi e do que a gente precisa ser como sociedade. Deparar-se com as vidas negras que ajudaram a construir o nosso país aqui representadas é um alento na luta contra o racismo estrutural. Que este banco seja usado e saudado pela população que frequenta o Parque do Ibirapuera, despertando empatia e respeito entre o povo paulistano.